INSANIDADE COLETIVA: Dilma Rousseff - falsa religiosidade em busca de votos

terça-feira, 4 de maio de 2010

Dilma Rousseff - falsa religiosidade em busca de votos

Em sua viagem ao Ceará, Dilma Rousseff concedeu uma entrevista à jornalista Patrícia Calderón, da TV Cidade (retransmissora da Record), que irá ao ar hoje à noite. Uma das respostas mostra alteração no discurso da ex-ministra em relação à sua fé. Há pouco mais de dois anos, em uma sabatina da Folha de S.Paulo, Dilma adotara o seguinte discurso:
- Fiquei durante muito tempo meio descrente. Acredito que as diferentes religiosidades são fundamentais para as pessoas viverem. A gente não pode achar que existe aquele seu Deus.

E em seguida tratou de sua crença em Deus:

- Eu me equilibro nessa questão. Será que há? Será que não há? Eu me equilibro nela.

Na entrevista que vai ao ar hoje à noite, Dilma segurava um pequeno crucifixo, recebido de presente na viagem, e disse ser católica:

- Eu fui criada no catolicismo, acredito numa força superior. Estudei em um colégio de freira. Sou católica.

Hoje em dia virou moda utilizar-se da alienação fé alheia, tripudiando da população, zombando da boa fé e do bom senso das pessoas. Como já ouvi muito por aí: "Se Ele existir, não permitirá que ela seja eleita". Nessas eleições faça diferente, não torne isto apenas mais um 'clichê'.

Nota: Reportagem publicada em 14 de abril de 2010.
Referência: Veja On Line

0 comentários: